quarta-feira, 2 de setembro de 2020

Lua Cheia em Peixes e o iate de Banksy

Diário da Astróloga: 02.09.20 | No céu, uma Lua Cheia no eixo Virgem-Peixes. Um posicionamento que agita profundamente as nossas emoções e traz à superfície os temas elencados pelos signos envolvidos. Com o Sol em Virgem, a nossa razão está preocupada com trabalho, saúde, ordem, aprimoramento, mas também se conecta intimamente com a natureza e seus processos purificadores, sejam sociais, individuais, físicos, emocionais ou espirituais. Com a Lua em Peixes, a nossa emocionalidade está ocupada com a união do todo, a religiosidade, a fusão das almas, mas também o exílio e os exilados, os refúgios e os refugiados, numa forte relação empática onde o outro sou eu mesmo. 
Nos jornais, uma notícia de grande apelo humanitário chama a nossa atenção exatamente nesta Lua Cheia. O artista britânico Banksy, que até hoje não é sabido se é de fato um artista ou um coletivo de artistas britânicos que fazem intervenções urbanas, financiou um navio para resgatar refugiados no Mediterrâneo que tentam chegar à Europa vindos da África, nas situais mais degradantes que se possa imaginar. 
Banksy batizou o barco de Louise Michel, em homenagem a uma anarquista feminista francesa e ilustrou o convés com sua emblemática garotinha de vestido, mas desta vez não segurando um balão, mas uma boia salva-vidas em forma de coração. Nesta Lua Cheia, o primeiro grupo com centenas de refugiados que foram resgatadas no Mediterrâneo foi finalmente autorizado a desembarcar na Itália, afirmou a ONG Sea-Watch Internacional. Em suas redes sociais Banksy  postou: "como a maioria das pessoas que fazem sucesso no mundo da arte, eu comprei um iate para fazer um cruzeiro pelo Mediterrâneo. O Louise Michel é um navio da marinha francesa que convertemos em um barco salva-vidas porque as autoridades da União Europeia ignoram deliberadamente os pedidos de socorro dos "não europeus". 
A problemática do refúgio no mundo é de longa data. E todos acompanhamos o agravamento deste drama humano há anos. Até pouco tempo antes da pandemia era sabido que o mundo tinha quase 70 milhões de pessoas deslocadas e em busca de refúgio, fugindo de países em guerra, assolados por desastres naturais, pela tirania ou a economia em frangalhos a ponto de viverem sob risco de morte. Ninguém escolhe fugir do seu país com uma mão na frente e a outra atrás. Esta é sempre a última opção possível. Entretanto, com a pandemia neste 2020, deverão se acentuar os deslocamentos forçados pelo mundo, pelos mesmos motivos, acrescidos de uma crescente onda autoritária, falta de oportunidades, violência, miséria ou fome. Em dias como esse, onde a Lua se faz brilhante em Peixes, os assuntos migração, fuga, sobrevivência, empatia, ajuda e espiritualidade poderão nos tomar profundamente. E que nos tomem mesmo! Este 2020 não pode ser uma experiência coletiva de endurecimento, individualismo e insensibilidade. Precisamos chegar a 2021 melhores que hoje. A propósito... um viva para Banksy!
Aline Maccari Jornalista, Astróloga e Analista Junguiana
Nos vemos no canal da Astróloga no Youtube. 
O link segue na BIO☝ e nos STORIES ☝
YOUTUBE👉 www.youtube.com/aastrologa 

CRÉDITOS: Fotos do iate-navio-barco de Banksy
#astrologia #astróloga #mapaastral #mitologia #psicologia #arquétipo #carljung #destino #autoconhecimento | #epidemia #coronavírus #covid19  #pandemia #quarentena | #luacheia #luacheiaempeixes  #banksy #louisemichel #refugiados #refúgio #migraçãoerefúgio #fuga #esperitualidade #religiosidade #empatia #ajudahumanitária #vidasnegrasimportam #vidaspretasimportam #autoritarismo

* Agradecemos o compartilhamento dos conteúdos da "A Astróloga", desde que seja preservada a sua originalidade, integridade e sentindo, sem prejuízo à compreensão do mesmo e mantido o crédito à autora: Aline Maccari @aastrologa. A publicação parcial ou total de textos, vídeos ou fotos sem a creditagem correspondente pode acarretar em crime de plágio, sendo passível de punição. Obrigado àqueles que ajudam a divulgar adequadamente este trabalho.

Um comentário :

  1. Eu tenho a pintura dessa menina com o balão (perdido?) emoldurado em meu quarto. Copiei da internet, revelei, e enquadrei. Nosso sentimento. Bansky.

    ResponderExcluir