quinta-feira, 1 de outubro de 2020

Sobre Aline Maccari e "A Astróloga"




Olá Seja bem vindo!
Acho que sou uma daquelas pessoas tomada de encantamentos pela jornada da vida! E nada melhor que vivê-la ouvindo e contando histórias. Comecei a escrever ainda criança e a velha máquina de datilografia do meu pai era a minha maior diversão. Sempre fui muito inquieta, atrás de respostas para os mistérios da vida. Sou jornalista, formada pelo Ceub (Brasília), mas minha busca me levou a várias outras áreas do conhecimento que foram incrivelmente importantes para a minha formação como ser humano. Repórter desde 2001, trabalhei em algumas das principais emissoras de TV do país (Globo, Band, TV Brasil), especialmente nas editorias de arte, cultura e comportamento. O jornalismo é uma forma de conhecer pessoas, lugares e realidades diferentes! Mas, esse mesmo "universo" me convidou para ir ainda mais longe!

Em 2003 e 2004, morei na Nova Zelândia, onde comecei meus estudos em Astrologia e Mitologia com a minha "ex-sogra" (ex-sogra é algo que legalmente não existe), meio maori, meio british, uma mulher muito sábia. Esses estudos fizeram tanto sentido pra mim que nunca mais parei. A astrologia é minha bússola no mundo. Esse estudo, de mais de cinco mil anos, é uma tecnologia antiga que atravessa qualquer cultura, em qualquer tempo. É uma maneira de perceber as relações entre o céu (os astros) e terra (os acontecimentos) e ver lógica, harmonia e sabedoria num aparente caos!

Em 2012 fui repórter do programa Nova África, viajando por 10 países do continente africano em busca histórias originais. No Quênia, Uganda, Ruanda, Egito, Guiné Conacry, Marrocos, Argélia, Tunísia, Burundi e Etiópia vi cenas, encontrei pessoas e histórias que farão parte de mim para sempre. Foi indescritível ver in locu como as Narrativas Mitológicas se repetem de forma parecida em qualquer lugar do planeta. Fato exaustivamente estudado pelo professor Joseph Campbell, uma das minhas maiores referências. Viajar e se aventurar por outras culturas é uma forma de conhecer outras realidades muito diferentes da sua, de expandir a consciência, de praticar a inteligência e a tolerância. Mas, mais do que isso, é uma forma de perceber que somos todos um!

Em 2015 concluí minha especialização em Psicologia Analítica (ou ainda arquetípica e profunda, como é conhecida), a psicologia de Carl Gustav Jung pelo IJEP, o Instituto Junguiano de Ensino e Pesquisa de São Paulo (FACIS - Faculdade de Ciências da Saúde de São Paulo). Esse grande mestre sabia como ninguém casar todos esses conhecimentos. E além de ter a MITOLOGIA como base para o seu vasto trabalho, Jung adorava tecnologias antigas que ajudavam a desvendar a alma humana, como a alquimia, o I Ching, o tarot e estudou especialmente a ASTROLOGIA por muitos anos. A psicologia é uma forma de entender a riqueza interior de cada um de nós, perceber os nossos mitos pessoais e de ajudar o outro!

Em 2018 comecei um MBA pela Fundação Getúlio Vargas em Relações Internacionais. Eu acredito que entendendo o céu e as dinâmicas existentes entre pessoas, culturas e países eu possa trazer alguma contribuição ao perceber as estruturas simbólicas presentes no jogo planetário.

Em 2019 eu fui para a fronteira entre o Brasil e a Venezuela como assessora de comunicação do ACNUR, a Agência das Nações Unidas para Refugiados. Lá tive novamente a chance de ouvir histórias incríveis de superação e graças a Zeus, ajudar muitos deles. Foi em Roraima, no extremo norte do Brasil, que descobri como as pessoas, em algumas das situações mais desafiadoras da vida, pois a maioria delas havia perdido tudo, conseguem encontrar saída para continuar vivendo com fé, alegria e dignidade. Ver de perto a luta pela sobrevivência, em ambientes de conflito e emergência humanitária é descobrir como nascem heróis e heroínas de carne e osso.

E depois do jornalismo, da astrologia, da mitologia, da psicologia, das relações internacionais, do trabalho humanitário... provavelmente eu deva me aventurar ainda pela filosofia, a antropologia ou a sociologia. Para mim, estudar, viajar, ouvir e contar histórias são a maior aventura que alguém possa viver nesta vida. E se a ideia é ser "contadora de histórias do céu, da terra e do fundo do mar" é preciso entender os mundos das mais variadas maneiras, os mundos de dentro e os mundos fora. O próprio mestre Carl Jung dizia: "Conheça todas as teorias, domine todas as técnicas, mas ao tocar uma alma humana, seja apenas outra alma humana."

O site/blog da "A Astróloga" é um espaço de reflexão sobre assuntos que fazem parte das experiências humanas. Desde 2011, escrevo sobre esse universo que, pelo menos para mim faz todo o sentido. Ligando os pontos entre tantas realidades e saberes é possível ver o lindo desenho da teia da vida e flertar com o mistério do Invisível. É quando nos entregamos sem medo aos mistérios da vida que a força da existência e o propósito divino se revela em nós.

Que o céu nos guie e o amor nos transforme!
Aline Maccari
Jornalista, Astróloga e Analista Junguiana


Para marcação de consultas CLIQUE AQUI
Para parecerias, palestras ou entrevistas, escreva para e-mail: aastrologa@gmail.com 

A Astróloga está também nos canais:


A Astróloga na Mídia


Coluna Léo Dias para o Metrópolis - Julho de 2020

"A Astróloga" foi entrevistada pelo programa Vibe, na Rádio Cultura FM, 100,9 Brasília, em fevereiro de 2016.
Johnny Luna , Leko Bezerra e eu conversamos sobre jornalismo, cultura e astrologia. 
A Astróloga esteve no Correio Braziliense na edição de domingo, 30 de agosto de 2015. Ao lado da consulente Sabrina Ferroli falamos sobre o potencial da astrologia para o trabalho de autoconhecimento, aliado à psicologia junguiana.
Palestra do Ossobuco no CCBB Brasília: "Entre o céu e a terra": 27 de julho de 2015
Palestra sobre astrologia, comunicação, céu, terra, arquétipos, Jung, A Astróloga.... e os sentidos na vida! 

Publicado na Revista VEJA Brasília de 18 de dezembro de 2013

Nenhum comentário :

Postar um comentário