segunda-feira, 22 de outubro de 2018

Feliz aniversário aos nativos do signo de ESCORPIÃO

A menina Kira vai fazer aniversário no mês escorpiano que se inicia no dia 23 de outubro. Da última vez que a vi ela preferiu ser chamada por outro nome: Monster High. E ai de mim se a chamasse pelo nome verdadeiro. Ela havia incorporado delirantemente o nome das sombrias bonecas. O time de personagens é formado pelas filhas de Frankestein, dos Zumbis, da Múmia, do Lobisomem, do Conde Drácula e assim por diante. Uma linhagem nobre de decentendes dos monstros mais célebres da literatura e a da imaginação humana. A pequena "Monster High" se veste de preto, essa é sua cor favorita. E pode passar horas dançando enfurecidamente ao som do mais "dark trance" na sala de visitas. A mãe, Isabela, acha o comportamento um tanto excêntrico e desde que entendeu um pouco mais sobre o signo da filha tudo ficou muito mais claro.
O mês escorpiano, na Europa onde foi desenvolvido o sistema astrológico, é um período outonal. Nesses dias, as folhas caem e nos preparamos para o tenebroso inverno. É tempo de transformação. Nas antigas religiões era nesse período em que deuses e deusas transitavam entre os mundos superior e inferior. O Halloween, dia 31 de outubro, é uma repaginação do Samhain, o antigo festival do povo celta. O Dia de Los Muertos também. Nesses dias as portas entre os mundos estão abertas possibilitando a comunicação, o intercâmbio e a revelação dos segredos mais escondidos. Em nível simbólico este tempo representa uma viagem às nossas próprias profundezas, aos nossos subterrâneos, ao nosso inconsciente, aos nossos aspectos sombrios, que não estão na luz e por isso são invisíveis. É por isso, como nenhum outro signo, que Escorpião encara demônios, sombras e fantasmas. Por outro lado também é sinônimo de ressurreição, do retorno à luz, à consciência, signo de profunda transformação. Escorpião é por isso o signo do oculto. E por isso são também sensuais, penetrantes, misteriosos e super sedutores.
Os astrólogos antigos o representam a partir de outros símbolos, como se fossem estágios evolutivos do mesmo ser. Enquanto "bicho escorpião" ele habita o mundo subterrâneo; como águia ele já alcançou o renascimento (com o olho da águia que tudo enxerga). Mas nenhuma outra imagem é mais reverenciada a respeito do signo que a serpente, uma vez que a Constelação da Serpente está de fato entrelaçada a de Escorpião nos céus. O animal, para os antigos, representava os mistérios profundos, aqueles não revelados, referentes às profundezas da Terra (do ser), relativos à vida, a morte, as drogas (vida e morte), o poder (Deus ou o Diabo) e o sexo (como origem da vida).
Escorpião é o 2º signo do elemento Água que é sinônimo das nossas emoções.
Essa é a bonequinha Monsther High
Nos rituais sagrados, a serpente ocupava local de destaque, desde as catacumbas do curador Asclépios, que as usava em rituais de cura por meio de sonhos (como depois se inspirou Freud para desenvolver a análise dos sonhos), até os xamãs da Amazônia em suas cerimonias reveladoras. Eles alegam que um tipo específico de veneno de cobra é capaz de alterar psiquicamente o cérebro, produzindo efeitos similares às drogas levando o sujeito a estados alterados de consciência, podendo ter visões em estado de transe. A substância seria capaz de facilitar a comunicação entre os mundos. Nesse estado o "curandeiro" entraria nas sombras do outro e o libertaria. Assim como a serpente, o Escorpião é símbolo da vida, da morte e do renascimento, similar ainda à história da Fênix que renasce das cinzas. Na vida real muitos escorpianos se tornam psicólogos, cirurgiões, curandeiros, cuidadores, enfermeiros, religiosos, investigadores, astrólogos, cientistas, juristas até ainda políticos. O ex-presidente Lula é do signo de Escorpião, assim como Geraldo Alckmin, Ciro Gomes, Hillary Clinton não importando se direita, ou esquerda. Os escorpianos, que ainda são inconscientes de seu poder, podem habitar as trevas durante longos períodos da vida, apegados ao sexo, o poder, a vingança e a morbidez. Alguns escorpianos em nossas vidas pode ser tóxicos como um veneno letal. Podem fazer dos outros sua "lata de lixo" ou podem ser a "lata de lixo" dos outros. Eles podem atuar assim na família, na relação a dois, no trabalho, como dirigente de uma empresa ou de uma nação. São eles que podem nos levar à verdade mais crua ou à mentira mais torpe. Seu movimento é profundo e intenso, seja para cima  (a consciência) ou para baixo (a inconsciência). Ninguém leva uma vida pacata ao lado deles. Depois de muito apanhar nas relações com os escorpianos, vamos descobrir que eles aparecem em nossas vidas para nos dizer algo de grande importância, quase como um mensageiro. No fundo, os Escorpianos podem ser os nossos Budas, nos fazendo despertar.
Anita, uma cliente que mora no exterior, apaixonou-se pelo francês Cristiano. Só ela sabe o quanto morreu de amores e arrependimento pelo romance que tiveram. Foi uma relação devastadora, pois nunca havia sentido algo tão verdadeiro, profundo, sexual, visceral e por isso criou imensas expectativas. Só após alguns meses depois do termino da relação, ela se deu conta do quanto ele ajudou a revelar nela aspectos ainda obscuros de sua personalidade. O que foi uma revolução no seu processo de autoconhecimento. Ela garante que nunca sofreu tanto por amor. Mas, que também nunca descobriu coisas tão importantes sobre si mesma.
No fundo,  ninguém passa ileso pela vida de um escorpiano. Por meio de dinâmicas psicológicas, eles nos envolvem e podendo apontar o melhor e o pior de nós. Por isso é importante pararmos de falar mal dos escorpianos. Pois na maioria das vezes o problema não está necessariamente neles, mas em nós. E é sempre muito fácil apontar no outro coisas feias que descobrimos em nós mesmos.
Ser o próprio Escorpião não é nada fácil, pois é um desafio profundo. As reviravoltas da vida fazem deles uma verdadeira Fênix, pois vão precisar a morrer e renascer inúmeras vezes. Regidos por Plutão, deus da morte e do renascimento, eles precisarão compreender que a vida é como ele, o deus que rege tudo o que há debaixo da terra: a inconsciência, a sombra, a maldade, mas também a semente, as pedras e os metais preciosos. Este é sem dúvida o signo do poder. Como na história de Orféu que desce ao reino de Hades (infernos) para resgatar sua amada Eurídice, morta por causa de uma picada de cobra, os escorpianos também irão aos seus infernos íntimos com os outros e pelos outros. E acima de tudo, movidos por um amor profundo. Pois os afetos, serão o grande pivô das transmutações deste signo.
No mês de escorpião que vai de 23 de outubro a 22 de novembro, iremos todos, de alguma maneira, lidar com aspectos sombrios, seja no dia a dia, na vida amorosa, no trabalho ou mesmo na vida nacional. Que nessa fase sejamos guiados pela Águia, a perspectiva mais elevada deste signo, capaz de enxergar os sentimentos, fatos, realidades, de um ponto de vista mais alto, podendo de alguma maneira inclusive ver suas repercussões no futuro.
Aline Maccari

_________________________

*Assim na Terra como no Céu! A astrologia faz todo o sentido por que microcosmos e macrocosmos tem uma relação íntima entre si. O que acontece entre os astros, repercute simbolicamente em nossas vidas, todos os dias. Essa "psicologia antiga" funciona como uma verdadeira bússola nos orientando na nossa jornada. Para entender melhor a si mesmo entre em contato com A Astróloga pelo e-mail aastrologa@gmail.com  
* Os posts são publicados no site "A Astróloga", no Facebook e no Instagram. Compartilhe preservando frases, fotos e vídeos propositalmente relacionados aos conteúdos, além de citar as fontes. 
* Aline Maccari é jornalista, cronista e astróloga, com pós graduação em psicologia junguiana. Para saber mais visite o blog www.aastróloga.com.br

CRÉDITOS: Artes de Tana Miller
#alinemaccari #aastróloga #astrologia #astral #storyteller #xamã #psicologia #mitologia #mito #astros #signos #autoconhecimento #luacheia #eleições2018 #poder #destino #sombra #signodeescorpião #escorpião #plutão #hades #signodepoder #halloween #monsterhigh #lula #ciro #alckmin #euridice #orfeu


sexta-feira, 19 de outubro de 2018

Sobre ter esperanças...

Aquário e Peixes têm algo em comum, eles "levitam". Ambos andam há dois palmos do chão. No primeiro, cabe o cosmos na cabeça. No segundo cabe o cosmos no coração. No final da tarde desta sexta, a Lua em Aquário migra para Peixes. Mas, não deixamos o arquétipo aquariano de lado, uma vez que Marte continua no signo.

O signo de Banksy

Nesses dias aconteceu algo absolutamente simbólico referente ao céu do momento. Banksy é um dos maiores nomes das artes na atualidade. Mas há controvérsias, pois há quem diga que não é uma pessoa, mas talvez um coletivo de artistas. Sujeito ou grupo britânico que nunca apareceu em público, assim "ele" mantém sua identidade secreta.

quinta-feira, 18 de outubro de 2018

Sobre a guerra e o inimigo invisível...

Fico imaginando o que os orientais pensariam de nós com essa salgalhada que fazemos, misturando texto chinês com desenho japonês, já que são culturas tão diferentes. Quem sabe não é essa mesma salada que estamos fazendo por aí? Importante é ouvir as palavras de Sun Tzu, o filósofo de "A Arte da Guerra".

A Idade Mídia

A primeira vez que ouvi a expressão Idade Mídia foi durante uma palestra, em Brasília, do ex ministro do Supremo Tribunal Federal, o sergipano, escorpiano, Ayres Britto. Mas, não sei se o termo é dele. Várias outras pessoas já o utilizaram, entre elas alguns jornalistas. Sem querer entrar no mérito sobre quem originou o trocadilho, o interessante é perceber o momento propício em que ele aparece. Nunca na história do mundo nossas comunicações foram intermediadas maciçamente por um dispositivo. 

quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Sobre amizade...

Amizade é uma das melhores coisas da vida. A frase de Wilde é engraçada e cínica, e por isso guarda uma grande verdade. Precisamos cultivá-las com mais carinho e menos ranhetice. A dica é da Lua em Aquário, tão dada aos amigos. Mas, daqui a pouco, em conjunção com Marte, fica no ar a pré disposição para embates. Sabendo disso, a gente pode trocar uma rusga por uma breja!

Como as democracias morrem? Plutão em Capricórnio ajuda a explicar

Em astrologia não há coincidências. Ontem passei numa livraria para comprar a sensação do momento e ela já havia sumido das prateleiras. O livro "Como As Democracias Morrem" (disponível em Português) é um sucesso de vendas porque explica de maneira muito acessível e contundente o momento político que vivemos no mundo.

terça-feira, 16 de outubro de 2018

Sobre a arte...

Estamos na última semana do mês de Libra e não podemos deixar de nos valer de uma de suas mais lindas lições: a arte e a beleza. O filósofo Friedrich Nietzche é de uma complexidade que não ouso explicar. Mas a frase, em minha leitura mais modesta, nos fala da importância da apreciação artística e do contato com o belo, no sentido de elevarmos nossas consciências.

Exílio

Há dias como o de hoje, com a Lua conjunta a Plutão em Capricórnio, em que a medida da realidade nos é dada de maneira crua. Mas, pelo menos do alto dessa montanha, simbolizada pelo signo, podemos enxergar ao longe. Geralmente, relacionados ao exílio estão o signo de Peixes e a casa 12 do mapa astral. Mas a imagem do exílio, daquele cenário de isolamento e solidão, pode estar em qualquer tempo e qualquer lugar.