quinta-feira, 30 de abril de 2020

Akbar, o Grande

Diário da Astróloga: 30.04.20 | No céu, a Lua em Leão, o signo do rei, oposto a Saturno em Aquário, o dos súditos, me faz lembrar das várias maneiras que esta relação pode se dar. E hoje, prefiro lembrar de experiências felizes que mudaram positivamente o curso da história.
Outro dia assistia a uma antológica série da RTP, o canal português, encabeçada por Miguel Portas e Camilo de Azevedo. O passeio daquele episódio era pelas Índias. E Portas contava sobre o lendário Imperador Akbar. Interessada pela história dessa personagem incrível, resolvi ir mais a fundo.
O Império Mongol foi tremendo, dominando um imenso pedaço do mundo, inclusive grande parte da Índia. Até os anos 1700 os governantes mongóis era muçulmanos e a maior parte da população local era hinduísta. Até Akbar fazer uma revolução! 

Descendente da linhagem de Gêngis Khan, o Imperador Akbar reinou entre 1556 e 1605. E o diferencial deste libriano, do dia 15 de outubro, ao que pude pesquisar, foi sem dúvida o cuidado com o outro, a diplomacia e o estímulo à cultura e à tolerância. O imperador muçulmano começou por casar-se com uma princesa hinduísta, estimulando a convivência pacífica entre sikhs, hindus, ateus e jesuítas portugueses. Akbar acabou com vários impostos a minorias, estimulou as letras, as artes e a erudição. Entre seus atos notáveis, Akbar não teria realizado guerras, mas negociado de maneira estratégica e diplomática, tendo sido seu império um período de grande paz numa região marcada pela diversidade e multiplicidade. Uma prova de que é totalmente possível conviver com diferenças de toda ordem. O reino de Akbar foi tão inclusivo, solidário, belo e pacífico que contagiou positivamente as gerações seguintes. De modo que foi seu neto, Shah Jahan, quem construiu uma das obras arquitetônicas mais belas do planeta, o maravilhoso Taj Mahal em homenagem à falecida esposa Aryumand Banu Begam, sendo o palácio uma ode ao amor eterno.

A mística envolvendo Akbar, "o Grande"  atravessou a história nos lembrando que é possível ser empático, solidário, tolerante e fraterno em qualquer época, sob qualquer condição. Em tempos desafiadores, aparentemente míopes diante futuro, é no passado que encontramos exemplos e alentos.
No céu desta quinta e sexta a Lua em Leão será desafiada por Saturno e Marte em Aquário. Em seguida Mercúrio em Touro se junta a Urano. Pensar a sociedade, em qualquer lugar do globo será um dos nossos chamados. Desde a entrada de Saturno em Aquário estamos reflexivos sobre o tema que pede formas mais colaborativas de convivência, em todas as esferas.
Aline Maccari Jornalista, Astróloga e Analista Junguiana
1: Exemplo de arquitetura mongol na Índia | Foto 2: Akbar, o Grade | Foto 3: Taj Mahal

Quando estamos míopes diante do futuro podemos olhar para o passado em busca de referências. Lá encontramos não apenas ciclos planetários similares, mas experiências que já deram certo. No episódio de hoje conto a história de Akbar, o Grande. O imperador mongol da Índia, do signo de libra, que nos ensinou sobre arte, cultura, tolerância, solidariedade e diplomacia. Em dias de Lua em Leão, o signo da realeza, oposta a Saturno em Aquário, o signo do coletivo, Akbar vem nos inspirar. Aline Maccari Jornalista, Astróloga e Analista Junguiana
Nos vemos no canal da Astróloga no Youtube. 
O link segue na BIO☝ e nos STORIES ☝
YOUTUBE👉 www.youtube.com/aastrologa

CRÉDITOS: A Astróloga
#astrologia #astróloga #mapaastral #mitologia #psicologia #arquétipo #carljung #destino #autoconhecimento #mensagem #coronavírus #covid19  #pandemia #quarentena #plutãoretrógrado  #akbar #tajmahal  #líder #liderança #sociedade #saturnoemaquário #solidariedade #coletivo #arteecultura  #história #índia #miguelportas #camilodeazevedo #rtp
*Assim na Terra como no Céu! A astrologia faz todo o sentido por que microcosmos e macrocosmos tem uma relação íntima entre si. O que acontece entre os astros, repercute simbolicamente em nossas vidas, todos os dias. Essa "psicologia antiga" funciona como uma verdadeira bússola nos orientando na nossa jornada. Para entender melhor a si mesmo entre em contato com A Astróloga pelo e-mail aastrologa@gmail.com  

Nenhum comentário :

Postar um comentário