quinta-feira, 2 de julho de 2020

Tempo de Migração

Diário da Astróloga: 02.07.20 | No céu, dois gigantes estremecem a Terra. Júpiter e Plutão unidos em Capricórnio, por mais uma semana, emprestam um ao outro o melhor e o pior de si, sem distinção entre o bem e o mal, tal qual os humanos agem, sem saber se o que fazem é certo ou errado. A última vez que estiveram juntos, mas não aos abraços foi em 2008, também em Capricórnio, culminando com a bolha imobiliária norte-americana e sua reverberação no mundo, com recessão econômica mais evidente em Espanha, Portugal e Grécia. E cá estão Júpiter e Plutão novamente, mas agora unidos e fortes. O recado é claro. Os ciclos têm qualidades arquetípicas que se repetem por analogia, de tempos em tempos.
E da mesma maneira que o mundo viu suas finanças abaladas naquele ano de 2008, 12 anos depois, num ciclo perfeito de Júpiter, pode vê-las novamente e de maneira muito mais impactante, uma vez que em 2020 a aproximação de Júpiter e Plutão é precisa... quase como a conclusão de um ciclo perfeito de idas e vindas.
O que esses dois gigantes para a astrologia farão até o dia 10.07 de Julho, nós já sabemos porque já vimos acontecer. Me lembro naquela ocasião dos milhares de espanhóis e portugueses que vieram da Península Ibérica atrás de trabalho e vida nova no Novo Mundo. Agora vemos um número expressivo de brasileiros a tomar outros rumos, a abandonar o país, deixando para trás a depressão econômica que se avizinha. Curioso imaginar que Júpiter é o deus que abençoa as viagens internacionais e Plutão o deus das riquezas da Terra e do interior dela. Mas, mais importante que isso é saber que com Plutão em jogo tudo se transforma. Com ele, algo precisa morrer para que algo novo possa nascer. E assim as transformações se dão também migrando de cá pra lá e de lá pra cá, em busca de dias mais auspiciosos, girando a roda da vida. Do alto, Júpiter e Plutão quando se unem devem se entreter vendo os homens cruzando terras, mares e ares, quiçá como formigas que criam novas trilhas. A maioria dos fluxos migratórios vem acompanhado de um forte desejo de encontrar uma vida melhor. A não ser que se seja um aventureiro convicto, poucos saem da sua casa canceriana, do seu país e cultura, de mala e cuia, por tempo indeterminado. Hoje portanto, pode ser um daqueles dias para se pensar outra vez e outra vez em ir ou voltar. A Lua em Sagitário entre esta quinta e sexta, pré Eclipse, pode nos conduzir a novos destinos, nem que sejam novas moradas mentais ou emocionais. O sonho último é e sempre será a prosperidade. Em em Sagitário sempre mora o otimismo e uma boa parte do que chamamos de felicidade!
Aline Maccari Jornalista, Astróloga e Analista Junguiana
Nos vemos no canal da Astróloga no Youtube. 
O link segue na BIO☝ e nos STORIES ☝
YOUTUBE👉 www.youtube.com/aastrologa


CRÉDITOS: Banco de imagens
#astrologia #astróloga #mapaastral #mitologia #psicologia #arquétipo #carljung #destino #previsão #autoconhecimento #epidemia #coronavírus #covid19  #pandemia #quarentena |  #planetasretrógrados #tranformação #viagem #viajante #luaemsagitário #migração #migrante #refúgio #fluxomigratório #passaporte #vidanova #prosperidade #felicidade #novomundo #trip

* Agradecemos o compartilhamento dos conteúdos da "A Astróloga", desde que seja preservada a sua originalidade, integridade e sentindo, sem prejuízo à compreensão do mesmo e mantido o crédito à autora: Aline Maccari @aastrologa. A publicação parcial ou total de textos, vídeos ou fotos sem a creditagem correspondente pode acarretar em crime de plágio, sendo passível de punição. Obrigado àqueles que ajudam a divulgar adequadamente este trabalho.

Nenhum comentário :

Postar um comentário