terça-feira, 11 de agosto de 2020

Marte e Plutão segundo Stephen Arroyo

Diário da Astróloga: 11.08.20 | "Uma combinação que representa a expressão mais intensa do poder em estado puro que se possa encontrar." É assim que o estudioso da astrologia Stephen Arroyo, no livro "Astrologia, Karma e Transformação", explica o intercâmbio entre Marte e Plutão, movimento que estaremos vivendo entre os dias 10.08 a 16.08. Um encontro que não é raro, mas que em 2020 pode ser de grande impacto. Segundo Arroyo, Marte é a energia disponível para a realização das tarefas específicas no mundo exterior, expressa em desejos e vontades. E Plutão simboliza a energia para trabalhar em nível subterrâneo, portanto está relacionada a desejos e forças inconscientes.
Um encontro que pode ser canalizado para a construção de algo ou para a sua destruição. Como o aspecto que estamos vivendo é desafiador, pois trata-se de uma quadratura, um ângulo de 90º entre os planetas, existe a possibilidade deste encontro se manifestar em comportamentos extremistas, compulsivos, explosivos, desonestos, obstinados e violentos. Em sua essência, Arroyo nos explica que este encontro trata da vivência profunda da "natureza do poder".  Mas que se bem canalizado, o encontro de Marte e Plutão poderia simbolizar a força interior que precisaríamos ter para realizarmos transformações decisivas, pelas quais tanta gente anseia. Segundo Arroyo, com a participação de Plutão, planeta que tem total relação com a nossa mente mais profunda e inconsciente, este encontro pode fazer surgir um sentido de possessão arquetípica, como se um sujeito ou um grupo estivessem sentido que estão sendo "guiados sem descanso para um objetivo".
Talvez sejam estes, em alguma medida, os sentimentos que tem mobilizado a população de Belarus contra a ditadura mais antiga da Europa. Ou os libaneses que ontem conseguiram derrubar o governo corrupto e decrépito que controlava o país, com a renúncia do Primeiro Ministro e companhia. São movimentos que acontecem no céu, fora de nós, mas que influenciam as nossas mentes e almas por similaridade e paralelo, fazendo com o que aconteça entre as estrelas, reverbere também entre nós. De modo que para todos os próximos dias desta semana podemos esperar grandes reviravoltas políticas, econômicas e sociais.
Como este encontro planetário reverbera de maneira individual e coletiva, é importante percebermos que forças ele mobiliza dentro de nós e ao nosso redor. 
A foto que ilustra o texto de hoje é do fotógrafo Luca Sage para a coleção Retratos de Humanidade. Que a imagem potente de hoje nos inspire ao melhor e mais lúcido sentido de luta por dias melhores e por um mundo mais justo. É tempo de transformação! Não desperdicemos esta potência de realização!
Aline Maccari Jornalista, Astróloga e Analista Junguiana
CRÉDITOS: Foto de Luca Sage


Diário da Astróloga: 11.08.20 | A tensão entre Marte e Plutão no céu desta semana traz uma forte carga transformadora, mas também inconsciente. O astrólogo e escritor Stephen Arroyo pode nos explicar melhor como essas forças se comunicam. E ainda que seja este um aspecto tenso, nós também podemos transformá-lo com a força do nosso desejo luminoso. Aline Maccari Jornalista, Astróloga e Analista Junguiana
Nos vemos no canal da Astróloga no Youtube. 
O link segue na BIO☝ e nos STORIES ☝
YOUTUBE👉 www.youtube.com/aastrologa

CRÉDITOS: A Astróloga
#astrologia #astróloga #mapaastral #mitologia #psicologia #arquétipo #carljung #destino #previsão #autoconhecimento | #epidemia #coronavírus #covid19  #pandemia #quarentena |  #marteeplutão #quadraturamarteplutão #reviravolta #conflito #relaçõesinternacionais  #grandequadratura #luaminguante #planetaretrógrado #planetasretrógrados #movimentossociais #belarus #líbano #vidasnegrasimportam #vidaspretasimportam

* Agradecemos o compartilhamento dos conteúdos da "A Astróloga", desde que seja preservada a sua originalidade, integridade e sentindo, sem prejuízo à compreensão do mesmo e mantido o crédito à autora: Aline Maccari @aastrologa. A publicação parcial ou total de textos, vídeos ou fotos sem a creditagem correspondente pode acarretar em crime de plágio, sendo passível de punição. Obrigado àqueles que ajudam a divulgar adequadamente este trabalho.

Nenhum comentário :

Postar um comentário