sexta-feira, 26 de outubro de 2018

O culpado

Apontar um bode expiatório para descarregar todo o nosso ódio e frustração é uma atitude muito humana, demasiado humana. Carl Jung dizia que essa é uma intensão projetiva, onde lançamos sobre o outro o que existe de obscuro dentro de nós mesmos. Nessa condição, o Ego desejando alívio, adota uma postura de observador, como se não tivesse nada a ver com o que está acontecendo, como se ele estivesse fora do contexto, escolhendo algo ou alguém para expiar seus pecados. Quando elegemos um bode expiatório, o Ego adota duas posturas de "auto proteção": a AUTISTA e a AUTO ERÓTICA (relativo a Eros, o deus do amor). A reação AUTISTA faz com que o Ego sinta a agradável sensação de que "só o meu mundo interior está a salvo", diante de um mar de lama. Como se o sujeito fosse a única ilha de felicidade e prosperidade possível. E a atitude AUTO ERÓTICA, literalmente aciona uma sistema de compensações de grande prazer interior, quando o sujeito se percebe protegido contra o que está fora, optando por sua "bolha de amor próprio". Incrivelmente, AUTISMO e AUTO EROTISMO são alguns dos mecanismos que nos "salvam" dos demônios dos outros. Ao mesmo tempo em que nos aliena e nos exime de nossa parcela de responsabilidade. Pensando desta forma, o culpado não é o seu vizinho, o seu chefe, os candidatos X ou Y, Erdogan ou Trump. O "mal" simplesmente está no meio de nós. Ou melhor, o "mal" está em todos nós. 
Nesses dias, com tantos planetas em Escorpião (os conteúdos ocultos), em aspectos desafiadores com Aquário (o coletivo, a sociedade) e Touro (a proteção, o prazer), pensar sobre atitudes de auto preservação fazem todo o sentido. Escorpião é um bichinho que conhece muito bem a expressão "instinto de sobrevivência".  Mas, uma vez que pretendemos nos tornar conscientes e vivermos melhor conosco, entre nossos familiares, amigos e comunidade, não podemos eleger culpados e sacrificar bodes. Nós sempre podemos fazer as escolhas que desejarmos, desde que tenhamos consciência do que estamos fazendo e das com suas consequências. Do contrário, as histórias sejam elas quais forem, irão se repetir, até que tenhamos aprendido alguma lição.
Aline Maccari


_________________________

*Assim na Terra como no Céu! A astrologia faz todo o sentido por que microcosmos e macrocosmos tem uma relação íntima entre si. O que acontece entre os astros, repercute simbolicamente em nossas vidas, todos os dias. Essa "psicologia antiga" funciona como uma verdadeira bússola nos orientando na nossa jornada. Para entender melhor a si mesmo entre em contato com A Astróloga pelo e-mail aastrologa@gmail.com  
* Os posts são publicados no site "A Astróloga", no Facebook e no Instagram. Compartilhe preservando frases, fotos e vídeos propositalmente relacionados aos conteúdos, além de citar as fontes. 
* Aline Maccari é jornalista, cronista e astróloga, com pós graduação em psicologia junguiana. Para saber mais visite o blog www.aastróloga.com.br

CRÉDITOS: Arte de Tana Miller
#alinemaccari #aastróloga #astrologia #astral #storyteller #xamã #psicologia #mitologia #mito #astros #signos #autoconhecimento #luacheia #eleições2018 #poder #destino #sombra #signodeescorpião #escorpião #sonhos #descoberta #segredo #jung #sombra #sombrio #oculto #escorpiano #escorpiana #bodeexpiatorio #culpado #culpada #mal #trump #erdogan 

Nenhum comentário :

Postar um comentário