quarta-feira, 30 de dezembro de 2020

Perspectivas 2021

"Muito dinheiro no bolso" e "saúde pra dar e vender" são precisamente o que mais desejamos para 2021. 2020 foi para os fortes, sendo o ano mais desafiador desde o pós guerra mundial e em nível global. O ano, marcado pelo encontro de três dos maiores planetas em Capricórnio, veio para chacoalhar as nossas vidas para muito além das previsões. Pois com a Pandemia Mundial, a realidade que já se mostraria duríssima para 2020, tomou um tom catastrófico, exigindo de nós novas posturas diante da vida. 
A partir de agora, estamos diante de um ciclo que termina e outro que se inicia. E para sabermos como nos situarmos neste tempo e espaço é fundamental entendermos de onde saímos e para onde vamos. Muito menos como previsão e muito mais como perspectiva, analiso os ciclos planetários com suas  qualidades arquetípicas e simbólicas. Pois acredito que a partir disso podemos vislumbrar os tipos de experiências que podemos atravessar. Neste ano, sairemos de Capricórnio rumo ao signo de Aquário, experimentando toda as dores e delícias dessa nova etapa da evolução humana.

SAINDO DE CAPRICÓRNIO (o inicio do inverno)
Capricórnio é o terceiro signo de terra e representa a materialização do trabalho, a concretude e a estruturação da vida em sociedade. É o signo dos sérios, responsáveis, maduros e resilientes. Mas também é o signo da ambição desmedida. Na vida social, Capricórnio representa as próprias estruturas de poder,  instituições financeiras, bancos, grandes corporações, países e nações inteiras. 
Em Dezembro de 2020 Júpiter e Saturno saíram de Capricórnio e entraram em Aquário, marcando o início do fim de um ciclo que só finda de fato em 2023, com a entrada definitiva de Plutão em Aquário. O ano de 2020 foi o ápice deste movimento com o encontro de três dos mais importantes planetas lentos  no último signo de terra. Júpiter, Saturno e Plutão tornaram o ano monotemático, concentrando todas as transformações necessárias especialmente em sociedade, economia, política e status quo. Já se imaginava que o encontro destes planetas seria algo que iria reverberar fortemente na Terra, trazendo o empobrecimento das populações, como mencionei em Dezembro de 2019. Mas com a pandemia, tudo tomou um tom muito mais dramático e urgente. Em Capricórnio somos ambiciosos e materialistas em grande parte. O planeta parecia já não suportar tamanha demanda desenfreada, exaurindo todos os nossos recursos, dos naturais aos emocionais. Quem não se lembra a vida alucinante, sobrecarregada, artificial e sem sentido que levávamos até antes do "mundo parar"? Então me parece que Gaia, a mãe Terra, se vingou de tamanha ganância, nos colocando frente a frente com uma outra vida, um vírus, para que descobríssemos o nosso verdadeiro e ínfimo tamanho diante da magnitude do cosmos. 

Mas voltando aos ciclos, o que foi vivido em 2020 é o final de um movimento que se iniciou antes em Capricórnio há 12 anos. Podemos dizer que tudo isso começou em 2008 com a entrada de Plutão neste signo, o que coincide exatamente com a Crise Imobiliária nos EUA e a quebradeira financeira mundial, reverberando nos quatro cantos do mundo. Com a entrada de Saturno em Capricórnio em 2017, vivemos o auge do autoritarismo no mundo, como tentativa de recuperar algo perdido, entre nossos orgulhos e finanças. Mas foi em 2020, com Júpiter em Capricórnio, que tudo se maximizou com a chegada da pandemia. Fato é que todos estes planetas em Capricórnio evidenciaram o esgotamento de um modelo de produção e consumo, de ideologias e sistemas de governo, nos esvaziando do senso de propósito por estarmos vivos, diante de uma tragédia que em breve terá ceifado 200 milhões de vidas humanas. 
O que tudo isso nos sinaliza é o final de um longo ciclo que deve se encerrar de vez em 2023, quando Plutão entrar em Aquário e mudar por completo a configuração do céu. Mas desde já, com a entrada de Júpiter e Saturno em Aquário, em Dezembro deste ano, será possível perceber mudanças graduais de contexto. Inclusive com a Grande Mutação, a especial e histórica conjunção entre Júpiter e Saturno em Aquário, que se deu em 21.12.20, temos o começo da virada. Obviamente que não é algo que se perceba na data inicial. Mas é a largada para uma mudança significativa, como se finalmente estivéssemos partindo para um novo capítulo da vida planetária. 

Portanto, durante este longo ciclo capricorniano, estávamos focados no TER. Agora em Aquário, o valor estará no SER. E acredito sinceramente que o fato de estarmos enfrentando uma pandemia desta magnitude, seguida de forte recessão econômica mundial fez acionar um alarme interno dentro de cada um de nós, pedindo mudança urgentes. O que 2021 deverá nos sinalizar é que daqui para frente já não será mais possível viver como vivemos até agora. O ano de 2021 poderá ser o início de uma mudança de mentalidade planetária, necessária e imprescindível para os novos dilemas da evolução, imaginando que Aquário é a próxima etapa do "aprendizado", a partir de Capricórnio, na roda zodiacal.

ENTRANDO EM AQUÁRIO (alto inverno)
Aquário é o terceiro signo do elemento AR e remente às ideias, as conexões, as pontes entre o céu e a Terra, a criatividade, a liberdade, a intelectualidade, a democracia, a política, a ciência, a tecnologia, a vida comunitária, colaborativa, humanitária, solidária, fraterna e futurista. Aquário é o signo da coletividade, daqueles que pensam, sentem e agem como um grupo, pensando muito mais em NÓS que num EUDesta forma, Aquário tem não apenas consciência de grupo, mas é a própria coletividade. Para ele “a união faz a força”. E justamente porque se identifica com um contexto múltiplo e diverso, não há espaços para preconceitos, sejam de raça, cor, credo ou posição social. 

JÚPITER E SATURNO EM AQUÁRIO
Em Dezembro de 2020 Júpiter e Saturno saíram de Capricórnio e entraram em Aquário pontuando o começo de uma nova fase, quiçá o início de uma Nova Era, a tão falada Era de Aquário, embora haja muita imprecisão quanto aos finais e inícios de uma Era astrológica. Júpiter e Saturno em Aquário darão início a um período que ficará muito mais evidente com a entrada de Plutão em Aquário em 2023. Mas, desde já, será possível ver as marcas desta transformação do macrocosmo, no microcosmo.

Júpiter é o planeta de leis, sorte e expansão. Tudo o que toca cresce, maximiza e se torna visível. Saturno é o planeta das estruturações e do amadurecimento. Por isso é o princípio da limitação, contrário a Júpiter. Para Carl Jung em seu livro "Aion", a conjunção destes planetas é potente e transformadora, uma vez que Saturno para os antigos remete a morte e Júpiter remete à vida. Portanto morte e vida, fim e começo estarão juntos neste ano.  Há 20 anos quando Júpiter e Saturno, no ano 2000, estavam juntos em Touro, vimos o boom da internet no mundo. E agora, eles deverão trazer novidades que poderão ser verdadeiras mudanças de paradigma. Uma das traduções possíveis para este encontro pode significar que para expandir, crescer e prosperar na vida como Júpiter pede, será preciso trabalhar, amadurecer, respeitar e se responsabilizar, como exige Saturno

Assim, como 2021 será marcado fortemente pela presença dos dois maiores planetas vistos a olho nu no Sistema Solar, no signo de Aquário, podemos dizer que este será um ano com grandes características aquarianas ou mesmo um ano Uraniano, uma vez que Urano é o planeta regente de Aquário. E que, a propósito, fará tensão nas vezes em que Saturno se indispor com Urano.

AS DORES E AS DELÍCIAS DE AQUÁRIO
Todos os signos tem sua luz e sombra. Qualidades visíveis, geralmente auspiciosas, valorizadas, admiráveis, mas também qualidades indesejáveis e recrimináveis. Por isso nunca devemos colocar as nossas fichas num signo, num ciclo, num tempo como o que surge agora. Acredito fielmente que a união destes dois grandes planetas em Aquário tragam o ESPÍRITO DE UM NOVO TEMPO. Mas ele só será novo e vibrará alto se nos responsabilizarmos pelos nossos desejos e atitudes. Não é Aquário que nos salvará do mundo. Somos nós que salvaremos o mundo de dentro e o mundo de fora a partir de algumas das qualidades mais vibrantes deste signo. Abaixo seguem algumas das situações que devemos atravessar em 2021, flertando sempre com a coletividade, a liberdade e a inovação:
  • Eventos que envolvam multidões, de manifestações a convulsões, exigindo mudanças sociais, mas também com muita confusão e forte repressão. Tais manifestações coletivas poderão estimular a mudança nas leis, mudando regras e hábitos;
  • Deverão crescer os movimentos a favor das minorias, que já são maioria em vários lugares do mundo, como as campanhas feminista, antirracista, LGBT+, ambientalistas, indígenas e etc;
  • Surgimento ou crescimento de grupos identitários;
  • Surgimento de novas tendências de moda, comportamento, cultura, contra-cultura, de forma real e virtual, desafiando os modelos de sociedade atual;
  • Mas, diante das mudanças de paradigmas sociais, poderemos presenciar também muita intolerância e intransigência;
  • O amplo interesse, patrocínio e crescimento vertiginoso da área da Ciência com grandes descobertas e o desenvolvimento de tecnologias totalmente inovadoras;
  • A modernização em alta velocidade de todos os processos que já conhecemos. No entanto é uma rapidez à qual muitos não estarão acostumados e muitos serão atropelados pela velocidade dos acontecimentos;
  • O crescimento de novas ferramentas de trabalho, aplicativos e ofertas de serviços totalmente originais;
  • A ampliação da oferta de trabalho e estudo de maneira virtual, on-line. No entanto, várias pessoas perderão seus empregos para as máquinas, como já se falava inclusive muito antes da pandemia, por autores como o historiador Yuval Harari. E numa fase tão aquariana, este processo deve ganhar ainda mais velocidade;
  • A Hiper conectividade ativa. Nunca estivemos tão próximos, sem barreiras, juntos e misturados. Mas é preciso perceber as diferenças e segregações que estarão por de trás das redes sociais;
  • A hiper virtualização da vida e o acesso irrestrito a novas tecnologias também poderão nos colocar diante do paradigma humano versus digital. Que a tecnologia nos aproxime e não nos torne frios, insensíveis ou indiferentes, como às vezes Aquário se porta;
  • Tendência a conflitos entre a última onda capricorniana conservadora e retrógrada em alguns momentos e a onda aquariana progressista, uma vez que estaremos num período de transições;
  • Tendência a formação de novos grupos, de amigos inclusive, sociedades, sindicatos ou coletivos;
  • Este será um ano para a libertação de situações há muito opressoras, como empregos ou casamentos desgastados;
  • Ascenção de novas lideranças, inclusive bastante jovens, renovando o pensamento social e político com ideias frescas e inovadoras. Mas não é porque serão ideias jovens que serão boas ideias. Será preciso ter repertório de qualidade e embasado, além  de responsabilidade;
  • Um forte desejo de mudança e ruptura de padrões é saudável, mas pode nos levar a transformações pautadas em reflexões que ainda necessitam de amadurecimento. Mudar por mudar é bem típico de Aquário. Mas não basta saber que é preciso abandonar algo. Será preciso saber para onde se quer ir.
DATAS IMPORTANTES: MARQUE NA AGENDA!
Desde 2017 o encontro de Saturno e Plutão em Capricórnio tem mobilizado uma crise sem precedentes na economia e consequentemente na política. Muitos especialistas falaram sobre a possibilidade de um forte abalo no capitalismo. E em 2020, com a união de Júpiter maximizando o problema, com a pandemia, todo este cenário não apenas se agravou, mas transformou-se no legado com o qual Aquário terá de lidar. Num primeiro momento, presenciaremos uma verdadeira batalha entre valores antigos e novos valores. E na tensão de Saturno com Urano, estarão em pauta momentos de grande instabilidade, imprevisibilidade, agitações, mudanças e transformações. 

Urano entrou em Touro em 2018 anunciando mudanças nos modelos econômicos, na forma de trabalhar e acumular riquezas, gerando grande instabilidade. E se o trabalho remoto já era uma forte demanda antes da pandemia, depois dela esta se tornou uma realidade. A questão é que Urano continuará transformando Touro até 2026. Neste ano de 2021, Saturno terá maus encontros com Urano. E um dos resultados desses encontros pode ser uma reflexão profunda sobre o que conhecemos por fartura e prosperidade. Será que ainda mediremos o "sucesso na vida" com a régua do dinheiro e do status social? Eis uma das perguntas para este período. Com a tensão de Urano e Saturno poderemos ver verdadeiros impérios ruindo, a quebra de empresas aparentemente sólidas e o surgimento de novas estruturas profissionais sem vínculos institucionais, o que pode sucatear o trabalho e as carreiras. 

Outros fenômenos que podem estar na pauta deste "desencontro" entre Urano e Saturno são os fenômenos da natureza, como terremotos, vulcões, tornados e tempestades. Fato é que estes atritos podem ser os gatilhos para as maiores e mais impactantes transformações que marcarão 2021.

Além das reviravoltas esperadas para os desencontros entre Saturno e Urano veremos novidades também com o trânsito do Grande Benéfico. Júpiter estará passando pelo signo de Aquário o ano inteiro. Mas entre 13.05.2021 a 29.07.2021 ele visitará Peixes. É como se o movimento que marcasse o ano seguinte desse uma pequena amostra grátis de dois meses, oferecendo uma prévia do que podemos esperar para 2022. E com Júpiter em Peixes poderemos ver a expansão de ideologias e sentimentos humanistas e um forte apelo humanitário, onde temas como religiões, exílios, detentos, saúde mental e hospitais psiquiátricos ganharão mais atenção. Nesses meses, poderemos ver avanços legais importantes quanto à dramática situação dos refugiados pelo mundo, a partir dos olhos mais piedosos e compassivos de Peixes. Mas também podemos perder o controle sobre nossas compulsões e vícios. Precisaremos estar muito atentos aos escapes da dura realidade neste período.

JANEIRO (Eventos envolvendo trabalho, recursos financeiros, economia e família)
Auge: 17/02/21
04/01/21 a 21/01/21: Marte em Touro forma quadratura com Saturno
14/02/21 a 26/02/21: Marte em Touro forma conjunção com Urano

MARÇO (Novo ano zodiacal)
21/03/21: Ano Novo Astrológico, com o Equinócio e o início da Primavera no Hemisfério Norte.

MAIO a JULHO (Período de grande sensibilidade, marcado pelo aumento das buscas por autoconhecimento e religiosidade até os escapismos, vícios e compulsões)
13/05/2021 a 29/07/2021: Júpiter entra no signo de Peixes (Amostra Grátis de 2021 para 2022)

JUNHO (Eventos envolvendo grandes artistas, ascensão e queda de líderes e chefes de estado)
Auge: 14/06/21
26/06/21 a 05/07/21: Marte em Leão forma oposição a Saturno
28/06/21 a 09/07/21: Marte em Leão forma quadratura com Urano 

NOVEMBRO e DEZEMBRO (Eventos envolvendo acidentes e mortes)
06/11/21 a 15/11/21: Marte em Escorpião forma quadratura com Saturno 
13/11/21 a 21/11/21: Marte em Escorpião forma oposição a Urano 


PERSPECTIVAS PARA O BRASIL
Para o Brasil também podemos esperar por finais de ciclo, reviravoltas e novidades. Embora com Júpiter e Saturno em Aquário caindo na casa 12 da carta astrológica do país, represente um tempo de penitência, doença, exílio e carma. A Covid-19 pode ganhar um tom ainda mais trágico imaginando que esses dois planetas caem numa casa que fala de profunda inconsciência, por meio da qual são projetadas as sombras psicológicas coletivas da população. Ou seja, ainda podemos ficar muitos meses imersos num desgoverno, produzindo um número avassalador de mortes. Sendo a casa 12 também uma casa de exílio, podemos nos isolar ainda mais do restante do planeta. O desemprego, o desamparo e o tombo econômico também podem ser uma realidade, imaginando que Netuno entra na casa 2, a área dos recursos financeiros. Os movimentos sociais dos marginais, daqueles que estão à margem da sociedade e os excluídos podem ganhar grande fôlego por meio de manifestações sociais, sabendo inclusive que Aquário é o signo Ascendente do mapa do Brasil. Imaginando o que houve 29 anos atrás, quando Saturno esteve na mesma posição no mapa do país, aconteceu quando as pessoas saíram às ruas, como os caras-pintadas, pedindo o impeachment do então Pres. Fernando Collor de Mello. 


COMO APROVEITAR MELHOR O ANO DE 2021
Eu sempre gosto de usar a expressão "é o que tem pra hoje". Porque o tempo não é composto apenas de quantidade de dias e horas, mas de qualidade. E se compreendermos as características de 2021 e soubermos aproveitar o que o ano tem a nos mostrar, podemos surfar com muito mais facilidade nestas ondas, com menos atritos e resistências, podendo otimizar o nosso tempo, nossas experiências e aprendizados. Eis o que 2021 exigirá de nós:
  • O tom do ano é coletivo e fraterno. Reúna-se! Como dizia o poeta Luiz Turiba: "OU A GENTE SE RAONI OU A GENTE SE STING";
  • O Papa Francisco também estimula em sua Encíclica Fratelli Tutti a fraternidade e a amizade social. É tempo de!
  • Esteja aberto ao imprevisível. Nem trabalho, nem casa, nem casamento são para sempre;
  • Reinvente-se! Precisamos ter a capacidade de nos modernizar, inclusive pela velocidade dos acontecimentos;
  • Atualize-se dos fatos procurando sempre estar bem informado por meio de mídias de procedência;
  • Estude e renove-se! Discursos velhos, cheios de chavões e frases feitas não se sustentam sozinhos. Não passe vergonha defendendo o que você não conhece. Em Aquário somos inteligentes e independentes intelectualmente;
  • Saia do armário, do closed, do quarto! Assuma sua identidade! Mais que nunca as diferenças deverão ser respeitadas e valorizadas. Além disso é tempo de transgressão, uma das palavras favoritas de Aquário. Às vezes não há evolução se continuarmos aceitando todas as regras vigentes, é preciso subverter alguma ordem. Deixo como dica o livro "A Alma Imoral" de Nilton Bonder, que trata muito bem deste assunto;
  • Socialize! Não se sinta só! Num ano tão aquariano fazer novos amigos será não apenas uma dica de sobrevivência, mas também um grande prazer;
  • Ainda que tenha pouco, compartilhe! Em Aquário mais importante que o EU, é o NÓS;
  • Se você não é chegado a novas tecnologias, modernize-se e aprenda como todas a novas geringonças funcionam, principalmente as redes sociais;
  • Se você for jovem, saiba que existe vida inteligente e cheia de emoção além das redes sociais. Não perca tempo diante de uma tela. Há muita vida lá fora; (Idade Média x Idade Mídia)
  • Dispa-se dos seus preconceitos! É por meio da empatia e da compaixão que iremos experimentar outras vidas em nós. Especialmente no Brasil, um país de matriz portuguesa, africana e indígena, é irracional sustentar qualquer preconceito sobre qualquer raça;
  • Os relacionamentos manipuladores, opressivos, baseados no ciúmes e na possessividade poderão estar com os dias contados. Liberte-se do seu algoz! Mas saiba que em Aquário, amor é sinônimo de liberdade. Então ame-o ou deixe-o;
  • Leia novos livros, veja novos filmes, ouça novos sons, conheça novos lugares! Converse com outras pessoas, aprenda a riqueza que existe no contraditório;
  • Viva o prazer da liberdade! Qual foi a última vez que você sentiu um forte vento acariciando o seu rosto, bagunçando os seus cabelos?
  • Ouse mudar o visual! Mudar por fora nem sempre muda por dentro. Mas ajuda no processo de tornar-se outro ou outra;
  • Seja a sua melhor versão 2021!
  • Ame ao próximo como a ti mesmo. Porque em última instância, tudo o que acontece ao próximo, reverbera em ti mesmo.
A famosa escritora Clarice Lispector dizia "LIBERDADE É POUCO. O QUE EU QUERO AINDA NÃO TEM NOME". De fato ainda não tem nome, pois é você quem irá nomear este novo eu e este novo mundo. Mas tem data e será em 2021! Feliz Ano Novo!

Aline Maccari Jornalista, Astróloga e Analista Junguiana


Diário da Astróloga: 30.12.20 | Feliz Ano Novo! Neste vídeo traço não previsões, mas perspectivas para 2021. Nele falo sobre um ciclo que se encerra, em Capricórnio, e outro que se inicia, em Aquário. E certamente é muito mais fácil sabermos para onde vamos, se compreendemos de onde viemos. Lanço ainda algumas ideias sobre os efeitos da Grande Mutação, a conjunção histórica de Júpiter e Saturno em Aquário; algumas ideias para o Brasil e ainda sobre como podemos aproveitar da melhor maneira possível o ano de 2021. A todos muitíssimo obrigada pela companhia neste ano tão incrível! Cuidem-se! Cuidem dos outros! Ame o próximo como a ti mesmo! Nos vemos em 2021! Feliz Ano Novo! Aline Maccari Jornalista, Astróloga e Analista Junguiana
O link segue na BIO☝ e nos STORIES ☝   

CRÉDITOS: A Astróloga
#astrologia #astróloga #mapaastral #mitologia #psicologia #arquétipo #carljung #destino #autoconhecimento #céudasemana | #júpiteremaquário #eradeaquário #2021 #previsão2021 #perspectivas2021 #grandemutação #liberdade #fraternidade #pluralidade #humanidade #ciênciaetecnologia #coletividade #inteligência #rebeldia #moral #ética #direitoshumanos #futuro #mobolizaçãosocial #manifestação

* Agradecemos o compartilhamento dos conteúdos da "A Astróloga", desde que seja preservada a sua originalidade, integridade e sentindo, sem prejuízo à compreensão do mesmo e mantido o crédito à autora: Aline Maccari @aastrologa. A publicação parcial ou total de textos, vídeos ou fotos sem a creditagem correspondente pode acarretar em crime de plágio, sendo passível de punição. Obrigado àqueles que ajudam a divulgar adequadamente este trabalho.



8 comentários :

  1. Que demais sua leitura, Aline! Eu confesso a fico apreensiva com signos fixos angulares. Masss é I q tem! Vamos observar o que desconforto traz de bom! 😘

    ResponderExcluir
  2. Aline, que texto excepcional! Te acompanho há
    relativamente pouco tempo, mas a afinidade já é imensa! Grata por toda essa informação, profunda e completa!

    ResponderExcluir
  3. Feliz 2012 Aline! Amo seus textos...

    ResponderExcluir
  4. Obrigada por todo aprendizado que me proporcionou neste ano...que encontro maravilhoso que tive! Muita luz pra nós e Feliz 2021!

    ResponderExcluir
  5. Feliz 2021 que seja de amor e fraternidade ��

    ResponderExcluir
  6. ~ Gratidão e parabéns, pela profunda abrangência e eloquência,orientando-nos entre os meandros de todos os caminhos de nossa, futura e planetária, existência... Sinceramente, ☆FÉluz NOVO SEMEAR☆ em 2021, caríssima Aline, com a PAZ PROFUNDA da LUZ DIVINA e do BEM MAIOR, ALquiMizAndo um AMOR FRATERNO E TRANSFORMADOR...~^w^~_/☆\_

    ResponderExcluir
  7. Começo a leitura e fico sem fôlego. Você tem um texto delicioso de ler. Feliz 2021!!!

    ResponderExcluir