terça-feira, 4 de outubro de 2011

Balançando as estruturas

Olá a todos. Mais um dia de Sol em Libra e Lua em Capricórnio. Ou seja, hoje ainda colhemos os frutos de uma segunda-feira cheia de controvérsias onde o planeta se vê novamente desestabilizado em suas esferas de poder. Mais um dia em que a diplomacia mundial esbarra em questões econômicas cruciais, anunciando que pode ruir sim, em algum momento. Ontem em conjunção com Plutão a Lua em Capricórnio foi dura e firme. E a Grécia mandou avisar que não conseguirá arcar com os acordos previstos para assegurar o empréstimo bilionário que receberia. Mandou avisar também que os gregos não são o bode expiatório da Europa e que toda a zona do Euro passa por uma crise, em seu sistema financeiro forçado, artificial e injusto. Na rígida e desequilibrada estrutura de poder, representada por Capricórnio, que passa pelas nefastas influências de Plutão a notícia é clara. Quando a Lua passa por lá relembra a todos da fragilidade do sistema, chacoalhando bolsas de valores e barris de petróleo. Para quarta-feira, ainda com Lua em Capricórnio, os gregos confirmaram greve geral para manutenção dos empregos públicos dos quais estão sendo dispensados aos milhares. Enquanto o Sol estiver em Libra os assuntos da diplomacia mundial estarão em evidência. E todas as vezes que a Lua esbarrar em Capricórnio durante o ano poderemos nos lembrar da fragilidade dos poderes e das economias mundiais que estão se reformulando, num processo de morte e renascimento. Para os próprios gregos esse não é um processo novo. O país de 3.000 anos, que já se reinventou tantas vezes, agora promete não fazer diferente. Na esfera privada os relacionamentos amorosos também passarão por um dia árido, onde novas regras poderão ser estabelecidas. Ou seja, em níveis macro ou micro, as relações pedem um desesperado ressuscitar. Tudo o que estiver desestruturado pode balançar.
Aline Maccari

Globo News: Manifestantes protestam nas ruas de Atenas contra medidas de austeridade.
Se você gostou deste texto compartilhe com os amigos sem se esquecer de citar a fonte: Aline Maccari

Nenhum comentário :

Postar um comentário