quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Olá a todos! O dia começa com Marte, o planeta da guerra em oposição a Lua e Plutão em Capricórnio. O dia não será fácil. Os humores estão extremados em vários lugares do planeta. Em alguns países da Europa e Estados Unidos a ameaça de calote e quebradeira deixa o mundo em suspense. As bolsas de valores oscilam incertas e inconstantes. No Chile e na Grã-Bretanha o governo controla a população manifestante. No Brasil, sequestro a ônibus no Rio de Janeiro deixou cinco pessoas feridas na noite de ontem. E a cada dia mais funcionários do governo são demitidos por desvio de verbas e corrupção. O mundo não está acabando, mas se redefinindo. Hoje e amanhã a Lua em Capricórnio que se movimenta sobre uma forte quadratura no céu pode pontuar viradas históricas e novos começos em vários níveis. Enquanto isso nervosismo, ameaça, mentira e belicosidade pairam no ar. Em nossas vidas pessoais não será diferente. Há muitas batalhas em curso, mas Marte em Câncer recomenda a resolução dos nossos conflitos da forma mais amorosa possível. A Lua em Capricórnio nos pede cautela e autocontrole, para que qualquer revolução prejudique o menor número de pessoas ao nosso redor. A Lua em Capricórnio é também a Lua do Bodhissativa, do Yogue, do buscador do encontro consigo, daquele que focado, meditativo e amplamente consciente consegue atravessar tempestades sem perder seu centro, promovendo o bem de todo o grupo. O mundo pode estar à beira de um ataque de nervos. E a nós hoje é pedido paz de espírito. Meditar é perceber!
Aline Maccari
Se você gostou deste texto compartilhe com os amigos sem se esquecer de citar a fonte: Aline Maccari
Entrevista de Sônia Bridi com o Dalai Lama. Compaixão é a palavra de hoje e sempre.

Nenhum comentário :

Postar um comentário