sábado, 4 de junho de 2011

Pés no chão e fé na estrada

Bom dia senhores. Júpiter acaba de entrar no signo de Touro e a Lua é crescente em Câncer. O sentimento hoje é de voltar-se para os assuntos do lar ou no mínimo da nossa morada interior. Mas onde fica essa morada? Às vezes estamos tão confusos, atropelados pela vida, as obrigações, o trabalho, as responsabilidades do dia-a-dia que fica difícil saber onde mora nossa paz e centramento. Com a entrada de Júpiter em Touro somos chamados a colocar os pés no chão e perceber a realidade ao nosso redor de forma mais precisa. Grande parte da vida é mesmo trabalhar, estudar e resolver situações. E muito da nossa busca espiritual tem tomado proporções fantasiosas e escapistas justamente porque a vida anda tão exigente. Na prateleira do mercado das salvações estão misturadas todas as religiões, filosofias, mitologias, teorias da conspiração, psicologias e tecnologias. Com os pés no chão agora é hora de colocar a cabeça e a fé no lugar. Afinal, o quê disso tudo é real? Até onde não é um auto-engano? O que ressoa dentro de mim como verdade? O que disso tudo é um produto a venda para que eu me sinta acuado e com medo de tomar as decisões que devo na minha vida. A busca pelo sentido da nossa vida deve antes de tudo ser libertadora da alma. O medo nunca deve ser a motivação principal. O que implica em responsabilidade comigo mesmo. Talvez então esse seja o ponto nevrálgico dessa virada. Hoje é dia de botar os pés em contato com a terra, aterrar-se. Hoje é dia de alimentar o corpo e a alma. E encontrar nosso verdadeiro ninho.
Aline Maccari



A música Tribalistas de Arnaldo Antunes, Marisa Monte e Carlinhos Brown, aponta exatamente esse tempo que estamos vivendo. Podemos entrar em qualquer tipo de movimento ou mesmo criar um que se desintegre no próximo momento, como eles mesmos cantam, mas importante é focar em si e ter os pés no chão e fé na estrada.

Nenhum comentário :

Postar um comentário