segunda-feira, 13 de junho de 2011

Tirando a máscara

Bom dia senhores. Hoje é dia de Lua crescente no signo de Escorpião. Assim é dia de ir ao cerne das questões, escarafunchar, cutucar, arrancar a casca da ferida para deixá-la aberta, exposta e doendo. Uma dor que tem uma função, a de mostrar como as coisas verdadeiramente são. Hoje é dia de apelos passionais e vingativos. De tirar a máscara e revelar a montagem cenográfica encenada anteriormente. Mas que teatro é esse? É a mentira de que ontem houve amor, mas no fundo não passou de uma farsa bem montada para sustentar relacionamentos fracassados, preguiçosos e falidos. É a farsa do dinheiro público sendo arremessado para canteiros privados por meio de dutos muito bem construídos. É a notícia no jornal revelando que o público não passou de massa de manobra diante de estratégias de marketing bem planejados. Sim, às vezes caímos como bobos e muito porque queremos, porque é conveniente para nós. Fazer ouvido de mercador evita conflitos e abandonos. Mas ninguém consegue viver assim por muito tempo. E é isso que a Lua em Escorpião revela: a crueldade do mundo e principalmente das relações humanas. Hoje o dia pulsa, fere e dói. Mas é um daqueles em que a gente diz: "Há males que vêm para bem". E que assim seja. Abaixo à hipocrisia em todas as suas esferas! Às vezes só atitudes extremas nos tornam melhores.
Aline Maccari

Um comentário :

  1. Concordo plenamente! Adorei o assunto de hoje... Isso é bem coisa de ESCORPIÃO mesmo! rsrs Nu e Cru!

    ResponderExcluir