sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Júpiter: sorte, sucesso e crescimento

Júpiter é representado no filme Guerra de Titans pelo ator Liam Neeson. Mas ele tem ainda outras facetas e geralmente aparece entre raios, nuvens e trovões. Sorte, sucesso, expansão e exageros são as suas características mais conhecidas. Quem tem Júpiter em boa posição no mapa astral natal tem horizontes largos, vocação para ser grande ou pelo menos contar com um super anjo da guarda.
Abençoado aquele que no dia de seu nascimento tinha sobre sua cabeça Júpiter em posição favorável. Destino? Sim, destino é uma palavra que traduz bem a imagem de bem aventurança que reina sobre os filhos do deus. Conhecido entre os gregos por Zeus, ele era o regente do Olimpo, que governava soberano sobre todos os outros. No céu é o maior dos planetas. Pode ser visto a olho nu com certa facilidade, como um ponto avermelhado. Na imaginação humana, nas profundezas da psique, é o símbolo do maior. E em toda a nossa expressão criativa foi percebido como o grande, o vigoroso, o valente, o sortudo, o bem dotado, o rico, o sábio, o religioso, o guru, o mestre, o milionário, o rei.
Na astrologia, conhecido como "o grande benéfico", é interpretado no mapa astral como um aspecto de sucesso, sorte, expansão, crescimento e abundância. Mas, como expande tudo o que toca, pode também em alguns casos ser sinônimo de excesso, crescimento desordenado e desperdício. Quem o tem em posição de destaque no mapa astral pode ser dado a exageros, sentindo muito intimamente a vontade de uma mão amiga que o faça em parar em alguns momentos. Podem intimamente se dar bem com as figuras mais rígidas, aquelas com aspecto forte em Saturno (ou Capricórnio), quando sentem com eles um senso de equilíbrio, já que Saturno é o deus das restrições, regras e dificuldades.
Templo de Zeus na Grécia
 Em sociedade, Júpiter pode ser visto no ambiente universitário entre professores e filósofos, no ambiente religioso entre padres, pastores e lamas, e na política entre deputados, senadores, ministros, presidentes e diplomatas. O aspecto expansivo do planeta também poderá ser notado na necessidade da alargamento dos horizontes culturais do sujeito. O desejo de saber o que há além do horizonte farão muitas figuras jupiterianas viajar, conhecer outras nações, tribos, línguas e realidades. E justamente por ter tido a oportunidade de desbravar e conhecer o mundo mais a fundo se tornarão os "julgadores" na figura de um magistrado, de um juiz. Podemos vislumbrar ainda os que não souberam utilizar Júpiter da melhor forma, nas figuras dos gulosos, obesos, arrogantes, pretensiosos, orgulhosos até os falsos profetas, fanáticos, dogmáticos, políticos corruptos e psicopatas (aqueles que são conhecidos pela frieza, falta de limites e impunidade). 
Eis a simulação da imagem de Zeus em seu tempo na Grécia. 
Onde Júpiter está nos nossos mapas de nascimento, por casa e signo, ele age como fator de sucesso e expansão, onde as recompensas são despejadas. Lá está também nossa conexão com o divino, onde mora o nosso "anjo da guarda", aquele que nos agracia quando mais precisamos, onde mora nossa fé ou pelo menos para onde deveríamos olhar quando estamos em situação frágil ou desfavorável. Não por acaso, o Dia de Ação de Graças, celebrado nos Estados Unidos e no Canadá, geralmente na quarta quinta-feira de novembro, cai exatamente num dia sagitariano, signo regido por Júpiter. Curiosamente, na terra do capitalismo, a data seguinte é a famigerada Black Friday, quando todos vão às compras, ainda que isso custe atropelos e contas bancárias no vermelho. Enfim... uma prática curiosa entre o agradecer e o gastar. 

Júpiter em Virgem

Júpiter estará no signo de Virgem entre 12 de agosto de 2015 e 9 de setembro de 2016. O planeta, que leva 12 anos para dar uma volta completa ao redor da Terra (segundo a percepção geocêntrica adotada pela astrologia) leva cerca de um ano para percorrer 30 graus. Ou seja, em 2016 ele ocupará a metade do signo de Virgem e em seguida a primeira metade de Libra. No segundo signo do elemento terra, regido por Mercúrio (planeta do raciocínio, em seu aspecto analítico) e Gaia (a mãe terra), ele agirá sobre o trabalho e a saúde. De forma que desde que Júpiter entrou em Virgem já ouvimos notícias (algumas aguardando comprovação científica) sobre a cura do vitiligo por médicos cubanos, novas vacinas contra o câncer produzidas e oferecidas pela Universidade de São Paulo - USP, a criação de um sensor que descobre o câncer antes dos sintomas e sem biópsia, novas evidências de um caminho para a cura da Esclerose Lateral Amiotrófica - ELA e o fim da epidemia de Ebola em Guiné. No entanto, estamos no meio de um surto de dengue, chikungunya e zika vírus que se associam aos casos de microcefalia em bebês por vários estados do Brasil. 
Júpiter em Virgem traz notícias sobre a saúde. Em geral são positivas. Que grande bênção a cura! Em Guiné Conacry já não há mais contaminações pelo Ebola.
Quando falamos de Virgem também estamos falando de natureza e um dos maiores acidentes ecológicos do mundo aconteceu sob tal aspecto, o rompimento da barragem da Samarco, em Mariana, Minas Gerais, num episódio de brutal irresponsabilidade das empresas envolvidas. Uma demonstração de que a expansão jupiteriana nem sempre é sinônimo de sorte.
Em nível pessoal, podemos entender Júpiter em Virgem, nos nossos mapas, como um senso de abundância para as áreas do trabalho e da saúde. Uma maré boa que deve ser absorvida positivamente, pois geralmente os ganhos jupiterianos vêm e vão, diferentemente das sólidas bases tão características das vitórias saturninas. De um modo geral é importante identificar onde está Júpiter no seu mapa de trânsito e perceber por onde ele passa e amplia possibilidades em 2016. Se na casa 1 ele pode trazer renovação e otimismo, na casa 7 pode significar união estável e casamento, na casa 10 sucesso profissional. Desperdiçar as graças de Júpiter em tempos tão desafiadores seria uma uma tremenda tolice.
Aline Maccari

Guiné celebra o "paciente zero" de Ebola. É o fim da contaminação no país. Em breve poderemos ser nós brasileiros a celebrar a cura da terra, do corpo e da alma!

*Os posts são publicados diariamente no site da Astróloga e no Facebook. Se você gostou compartilhe sem se esquecer de preservar fotos e vídeos propositalmente relacionados ao conteúdo, além de citar a fonte: A Astróloga.com.br


Nenhum comentário :

Postar um comentário