segunda-feira, 15 de junho de 2015

Saturno de volta a Escorpião: mais do mesmo

Saturno volta ao signo de Escorpião entre 14 de junho e 17 de setembro de 2015.  Na foto a atriz americana Theda Bara, diva e símbolo sexual do cinema mudo dos anos 20 em "The Skeleton dance".
Saturno em seu movimento retrógrado estará novamente no signo de Escorpião entre os dias 14 de junho e 17 de setembro de 2015. Um período de três meses onde alguns acontecimentos podem irromper novamente em nossas vidas. Saindo de Sagitário, signo de expansão, conhecimento e viagens, podemos repensar sobre nossos projetos de estudo, pesquisa ou nossos planos para uma temporada fora de casa. É como se a saída de Saturno de Sagitário promovesse talvez mais liberdade para pensar novas possibilidades sobre tais temas.
Mas, sem a disciplina saturnina que tanto nos orienta nessas horas. De qualquer forma pode representar um período de reflexão e reajuste, de adoção de novas estratégias. Para quem tem Sagitário como signo solar, a saída de Saturno de cima de suas cabeças pode representar um alívio temporário para pressões reais que deverão voltar após essa temporada. É como se os excessos, que estavam sendo coibidos voltassem com tudo com o retorno do deus do karma ao terceiro signo de fogo. No entanto, após cerca de 90 dias as exigências e reestruturações que Saturno propôs continuarão. É como se esse período fosse uma janela de descanso para os Sagitarianos e Geminianos (já que Saturno estava em oposição a eles). Período não necessariamente de cultivo do ócio, mas de adaptação mais suave às transformações (dos assuntos de Sagitário) que voltarão de uma forma ou de outra. Um assunto que pode ser visto na política brasileira ou mesmo no caso Lava Jato, onde algumas punições, representadas por Saturno, podem ser afrouxadas. Vamos viver para ver. E cuidar da casa enquanto o "pai cobrador" (Saturno) estiver fora. 


O que está em cima é como o que está em baixo....
A volta de Saturno a Escorpião, por outro lado, nos fará lembrar dos desafios vividos entre outubro de 2012 e  dezembro de 2014. Uma fase difícil, obscura, onde questões como morte (simbólica ou real, de algo ou alguém), sexo, heranças, segredos e relacionamentos de aparência voltam a ser chacoalhados até que tudo se encaixe onde as Moiras, as deusas do destino, desejam. As chances é de que muitas coisas nos fujam ao controle e que acontecimentos indesejáveis, imprevistos ou inacreditáveis aconteçam. Essa é uma fase onde a perda de controle sobre as coisas da vida é a maior lição. Nem tudo está em nossas mãos. Saber que não se tem o domínio sobre tudo pode nesse momento ser motivo de desespero ou de grande aprendizado de desapego. Essa é uma decisão pessoal e intransferível. Saber que se pode passar por algo de tal magnitude pode nos deixar ainda mais presos ou livres. Confesso que prefiro ver a vida se desenrolar bem diante dos nossos olhos, como toda a força que ela tem e sua justeza de valores, aparentemente incompreensíveis. É a força do cosmos, da mãe natureza....como preferir chamar. Uma das maiores lições de Saturno em Escorpião é o fim da ilusão sobre a fantasia de poder. Com o regresso de Saturno a Sagitário, volta a temporada de "castração" aos exagerados! 
Aline Maccari

Para saber mais sobre Saturno em Escorpião acesse o link do texto escrito na ocasião: 

https://www.youtube.com/watch?v=GyA8zfouG4Y

*Os posts são publicados diariamente no site da Astróloga, no Facebook e no Instagram. Se você gostou compartilhe sem se esquecer de preservar fotos e vídeos propositalmente relacionados ao conteúdo, além de citar a fonte: A Astróloga.com.br

Nenhum comentário :

Postar um comentário