quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Sol em Escorpião

Kira é escorpiana e vai completar amanhã 4 anos de idade. Atualmente ela  prefere ser chamada de Monster High
Kira vai completar 4 anos de idade no mês escorpiano que se inicia hoje. Da última vez que a vi ela preferiu ser chamada por outro nome: Monster High. E ai de mim se a chamasse pelo nome correto. Ela havia incorporado delirantemente o nome das sombrias bonecas. O time de personagens é formado pelas filhas de Frankestein, dos Zumbis, da Múmia, do Lobisomem, do Conde Drácula e assim por diante. Uma linhagem nobre de decentendes dos monstros mais célebres da literatura e a da imaginação humana. A pequena "Monster High" se veste de preto, essa é sua cor favorita.
E pode passar horas dançando enfurecidamente ao som do mais dark trance na sala de visitas. A mãe, Isabela, acha o comportamento um tanto excêntrico e desde que entendeu um pouco mais sobre o signo da filha tudo ficou muito mais claro. O mês escorpiano, na Europa onde foi desenvolvido o sistema astrológico, é um período outonal. Nesses dias as folhas caem e nos preparamos para o tenebroso inverno. É tempo de transformação.
Nas antigas religiões era nesse período em que deuses e deusas transitavam entre os mundos superior e inferior. O Halloween, dia 31 de outubro, é uma repaginação do Samhain, o antigo festival do povo celta. O Dia de Los Muertos também. Nesses dias as portas entre os mundos estão abertas possibilitando a comunicação, o intercâmbio e a revelação dos segredos mais escondidos. Em nível simbólico este tempo representa uma viagem às nossas próprias profundezas, aos nossos subterrâneos, ao inconsciente. É por isso, como nenhum outro signo, que Escorpião encara seus demônios, sombras e fantasmas. Por outro lado também é sinonimo de ressurreição, a volta à luz, profunda transformação. Escorpião é por isso o signo do oculto. Os astrólogos antigos o representam à partir de outros símbolos, como se fossem estágios evolutivos do mesmo ser. Enquanto escorpião ele ainda habita o mundo subterrâneo; como águia ele já alcançou o renascimento (com o olho da águia que tudo enxerga), como pomba branca ele representa alto estágio de evolução espiritual. Mas nenhuma outra imagem é mais reverenciada a respeito do signo que a serpente, uma vez que a Constelação da Serpente está de fato entrelaçada a de Escorpião nos céus. O animal, para os antigos, representava os mistérios profundos, aqueles não revelados, referentes às profundezas da Terra (do ser), relativos à vida, a morte, as drogas (vida e morte), o poder (divino) e o sexo (como fonte da vida).
Nos rituais sagrados a serpente ocupava local de destaque, desde as catacumbas do curador Asclépios, que as usava em rituais de cura por meio de sonhos (como depois se inspirou Freud para desenvolver a análise dos sonhos), até os xamãs da Amazônia em suas cerimonias reveladoras. Eles alegam que um tipo específico de veneno de cobra é capaz de alterar psiquicamente o cérebro, produzindo efeitos similares às drogas levando o sujeito a estados alterados de consciência, podendo ter visões em estado de transe. A substância seria capaz de facilitar a comunicação entre os mundos. Nesse estado o "curandeiro" entraria nas sombras do outro e o libertaria. Não diferente das serpentes, os Escorpiões são símbolo da vida, da morte e do renascimento, similar ainda à história da Fênix que renasce das cinzas. Na vida real muitos escorpianos se tornam psicólogos, cirurgiões, curandeiros, investigadores, astrólogos, cientistas, bandidos e ainda políticos. O ex-presidente Lula tem o escorpião tatuado em seu comportamento. O time daqueles que ainda são inconscientes de seu poder podem habitar naturalmente as trevas durante uma vida inteira, apegados ao sexo, o poder, a crueldade, a vingança, a morbidez e aos excessos. Um escorpiano em nossas vidas pode ser tóxico como um veneno letal. Podem fazer dos outros sua lata de lixo ou podem ser a lata de lixo dos outros. Eles podem transitar entre o céu e o inferno num único dia. Como na história de Orféu que desce ao reino de Hades (infernos) para resgatar sua amada Eurídice, morta por causa de uma picada de cobra, os escorpianos também irão aos seus infernos íntimos com os outros e pelos outros. É o amor o grande pivô das transmutações deste signo.

Aline Maccari



*Os posts são publicados diariamente no site da Astróloga e no Facebook. Se você gostou compartilhe sem se esquecer de preservar fotos e vídeos propositalmente relacionados ao conteúdo, além de citar a fonte: A Astróloga.com.br

Nenhum comentário :

Postar um comentário